Fantástico apresenta reportagem sobre Marina Bay Sands

O Fantástico do próximo domingo (17) vai apresentar uma reportagem especial sobre o emblemático complexo Marina Bay Sands de Singapura.

As chamadas da matéria já estão sendo veiculadas pela TV durante a programação da Rede Globo: “Fantástico mostra luxuoso hotel de proporções gigantes neste domingo. São 2,5 mil quartos, 9,5 mil funcionários, 60 restaurantes, 160 mil uniformes com chip de rastreamento, 35 mil itens de roupas de cama, uma piscina nas alturas, um teatro, um museu e um cassino. Tudo isso em um único hotel. Esse hotel é uma viagem! É Fantástico. É domingo, depois do Faustão. Você vai ver!” Clique aqui e veja o vídeo da chamada.

Marina Bay Sands pertence ao Las Vegas Sand Corporation, que tem como proprietário, co-criador, CEO e presidente o empresário americano Sheldon Adelson.

Mudanças depois da visita de Adelson

O processo de legalização dos jogos no Brasil começou a mudar depois da visita do CEO do Las Vegas Sand Corporation ao Brasil em maio deste ano. O terceiro americano mais rico do mundo foi recebido pelo prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivela; pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia; pelo presidente da República, Michel Temer, ministros, senadores e deputados federais.

É do conhecimento de dos assinantes a posição de Sheldon Adelson sobre as outras modalidades de jogos. Ferrenho crítico das apostas esportivas, jogos online e bingos (vídeo-bingos) o empresário norte-americano está tentando impor o modelo de Singapura, liberando apenas poucos cassinos, evitando a legalização das outras modalidades.

Fator Sheldon Adelson

Um dos fortes obstáculos que os defensores da legalização dos jogos no Brasil estão enfrentando é a forte influência da atuação do empresário Sheldon Adelson, que prometeu em sua visita ao Brasil e quando recebeu em Las Vegas uma comitiva brasileira, investimentos vultosos caso o país optasse em legalizar apenas poucos cassinos-resorts.

Jerusalém como capital de Israel

Inclusive, comenta-se que o reconhecimento da cidade de Jerusalém como capital de Israel por Donald Trump seria uma promessa ao republicano Sheldon Adelson, um dos maiores patrocinadores do partido do presidente dos EUA. Trump cumpriu uma promessa de sua campanha eleitoral e fundamentou sua decisão na Lei da Embaixada de Jerusalém, aprovada pelo Congresso norte-americano em 1995.

Além de favorecer um governo aliado, representado por Benjamin Netanyahu, e de contar com o amplo apoio de congressistas americanos, a decisão de Trump visa atender ao interesse de setores da elite norte-americana que patrocinaram sua campanha. Esse é o caso, por exemplo, de Sheldon Adelson.

Adelson é dono de um verdadeiro império no ramo dos cassinos e resorts em Las Vegas, Macau e Cingapura e patrocinador generoso da campanha presidencial de Donald Trump, para a qual contribuiu com dezenas de milhões de dólares. Adelson, que parece ter uma ideia fixa em relação a Jerusalém, já havia expressado irritação pelo fato de Trump não conseguir, até então, cumprir suas promessas em relação à cidade.

Marina Bay Sands é Fantástico

O Marina Bay Sands é um dos maiores hotéis do mundo e um dos principais cassinos de Singapura, que pertence ao Las Vegas Sands. Projeto do renomado arquiteto Moshe Safdie, o empreendimento ficou mundialmente famoso por uma das maiores piscinas infinitas do mundo, que se localiza no topo das torres do hotel.

Deixe seu comentário