Homem larga tudo e vive à procura da fórmula perfeita da loteria

Por mais de dez anos, um homem vive isolado tentando encontrar uma fórmula capaz de fazê-lo vencer qualquer jogo na loteria. Wang Chengzhou mora debaixo de uma ponte em Chongqing, na China. Segundo a imprensa local, Wang passa a maior parte de seu tempo pesquisando a fórmula matemática por trás dos números sorteados na loteria do país.

Como ainda precisa se alimentar, Wang conseguiu empregos temporários no serviço postal da cidade e de limpeza de escritórios. O chinês fissurado em números tinha uma carreira na construção civil, mas sofreu uma fratura na coxa enquanto trabalhava numa obra na cidade de Xian.
Após se recuperar do acidente, ele disse a parentes que viajaria para a província de Yunnan e que trabalharia em outra obra. No caminho, de acordo com jornais da região, acabou indo parar em Chongqing, onde mora desde 2008. Sua família não sabia de seu paradeiro até ter sido contatada pela imprensa. Ao saber da situação do filho, a mãe de Wang, que tem 76 anos, pediu para que voltasse ao lar e pelo menos passasse a virada de ano com a família. O homem rejeitou o pedido e disse que não retornaria até que “deixasse sua marca na pesquisa de loterias” e que tinha “dominado o algoritmo dos sorteios”.
Wang gasta cerca de US$ 400 (cerca de R$ 1260) por mês em bilhetes de loteria e disse que planeja escrever quatro livros sobre aritmética mental e códigos de loteria baseados em sua pesquisa. O professor de matemática da universidade de Sichuan, Zhou De, alerta que é “quase impossível” prever quais serão os números vencedores, já que eles são “gerados aleatoriamente”.

Deixe seu comentário